sexta-feira, 12 de abril de 2013

Mossoró de todos

Postado por

foto
O deputado  Henrique Eduardo Alves pisou em solo mossoroense pela primeira vez hoje  como presidente da Câmara .
Na cerimônia para entrega de uma sonda ao centro de capacitação profissional do Senai, mais uma vez, discurso político – e não eleitoral! – em torno do Rio Grande do Norte. O bom momento no cenário nacional, pregando a união pelo desenvolvimento do Estado.
E dentro do Elefante cabe quase tudo. Até o entendimento dos adversários radicais de ontem em torno de lutas da idade  como a da Petrobras, do sal, da seca, das estradas, da saúde:
- Mossoró talvez seja a cidade que mais se respira política do Brasil. Do Rio Grande do Norte, certamente…
Mas o momento, segundo (o magistrado) Henrique Alves, é de esquecer os palanques. Destacou a importância da bancada federal potiguar, presentes e ausentes. Aos presentes; fez referência especial a deputada Sandra Rosado (PSB) a quem elogiou – como guerreira – e  lembrou deferência no primeiro projeto apresentado pela mossoroense.
- “Quem não faz por sua terra, não faz por terra de ninguém”, lembrou Dix- Huit Rosado.
E antes que especulassem sobre suas pretensões políticas (majoritárias) no próximo ano, descartou:
- O que estou fazendo e quero fazer na pelo Rio Grande do Norte é pelo passado, por gratidão,  é pelo o que este estado já me proporcionou ao longo dos últimos 40 anos…
E para não dizer que não falou em 2014, aproveitou para encher a bola da Presidente Dilma Rousseff,  anunciando sua presença para assinatura da duplicação da BR – 304( Natal-Mossoró).
Afinal, Ceará, Pernambuco e Bahia estão em situação melhor do que o RN pelos padrinhos fortes que tiveram junto aos ex-presidentes da República; Tasso com FHC, ACM com Sarney, Eduardo Campos com Lula.
Ou seja, o que vale é a parceria aliada ao poder do padrinho junto ao alto clero. Do contrário, ficaremos aqui; um elefante a passos de tartaruga, esperando eleição a cada dois anos, o tempo passar e a chuva não parar..

Nenhum comentário: